Pages Menu

Postado por em 25 jul 2014 em Água salgada, Destaque, Fishing Stories | 12 comentários

Comemorando o aniversário pescando no Guarujá

Comemorando o aniversário pescando no Guarujá

Terça-feira, 15 de julho de 2014.

Dia de comemorar 2 aniversários, o do Fishing Stories que acaba de completar 5 anos de existência e o meu, que tradicionalmente faço questão de comemorar no melhor estilo: pescando. Com muita sorte, todos esses anos tenho conseguindo tirar um day-off do trabalho no dia do meu aniversário, e lógico que sempre aproveito para pescar. Nas edições anteriores a minha companheira de pesca era a minha mãe, porém devido a alguns eventos familiares desta vez não pôde me acompanhar na pescaria de comemoração.

O amanhecer no canal de Bertioga

O amanhecer no canal de Bertioga

No dia anterior, véspera do meu aniversário, liguei para o grande amigo Thiago Pinto, do projeto Pescamigos.com, e por sorte ele também estava disponível e com muita vontade de pescar. Então partimos para mais uma pescaria na região de Bertioga acompanhados do amigo e guia Nê.

Parceiros de pesca! (Thiago, eu e o guia Nê)

Parceiros de pesca! (Thiago, eu e o guia Nê)

Logo as 6:30 da manhã, já estávamos embarcando rumo a região costeira do Guarujá.

Como nesta época do ano é muito difícil encontrar camarão-vivo no canal, e os que encontramos custam salgados R$1,50 por unidade, resolvemos fazer a pescaria somente com iscas artificiais, principalmente com Jumping Jigs e camarões de borracha.

As notícias pelo guia Nê eram que com o mar liso, teríamos uma tranquila navegação até a Ilha do Arvoredo, local onde nesta época é palco de excelentes pescarias com chance de fisgar grandes exemplares de Robalo-Peva e Pescada-Amarela que costumam aparecer no inverno.

Manhã com pouca neblina no Canal de Bertioga

Manhã com pouca neblina no Canal de Bertioga

Depois de cerca de 25 minutos de navegação, finalmente chegamos a Ilha do Arvoredo. Que já nos recepcionou com um belo dia ensolarado!

Ilha do Arvoredo, localizada próximo a Praia do Pernambuco

Ilha do Arvoredo, localizada próximo a Praia do Pernambuco

Mal chegamos, já desci o Jumping Jig que tive mais sucesso nas últimas pescarias costeiras, que é o modelo Peva24 gramas da Jigging Master na cor chumbo e com detalhes prateados. Não demorou muito até o primeiro pevinha dar as caras.

Primeiro Robalo-Peva do dia

Primeiro Robalo-Peva do dia

Nê, que trabalhava o seu Jumping Jig PAC da NS, na cor chumbo, também fisga o seu primeiro exemplar do dia.

Nê também tirando o dedo com um Robalo-Peva

Nê também tirando o dedo com um Robalo-Peva

E logo nas pindocadas seguintes a minha vara simplesmente travou no fundo, parecendo muito que era um enrosco de pedras ou alguma estrutura submersa. Lentamente fui subindo a ponteira da vara e recolhendo a linha aos poucos, mas inesperadamente o que antes parecia enrosco, logo se tornou em um monstro que saiu tomando linha e dando fortes cabeçadas. O Nê que acompanhava todos os movimentos já começava a cantar a bola: “André, segura que é ele! É o Pevão com certeza!“.

E não deu outra, entre descarregadas de linhas e cabeçadas, eis que o maior Robalo-Peva da minha vida apareceu!

Robalo-Peva de 3,300kg fisgado na Ilha do Arvoredo

Robalo-Peva de 3,300kg fisgado na Ilha do Arvoredo

E não poderia ter presente de aniversário melhor! O tão sonhado “Robalão” que eu buscava a 5 anos, finalmente apareceu. 😀

Pevão presente de aniversário!

Pevão presente de aniversário!

Mal eu tirei o Pevão da água, o Nê travou uma grande briga com mais um que parecia ser da mesma ninhada. Um outro belo Peva que não resistiu aos trabalhos do Jumping Jig.

Nê e seu Pevão na casa dos 2,5kg

Nê e seu Pevão na casa dos 2,5kg

Detalhe dos assist hooks bem cravados no céu da boca do robalo

Detalhe dos assist hooks bem cravados no céu da boca do robalo

Porém, depois deste 2 bitelos as ações dos robalos já havia diminuido bastante no local. E com uma água de cor estranha e muito turva chegando, o guia Nê resolveu mudar de ponto e nos levar até a famosa Laje do Pernambuco, mais conhecida como Carequinha pelos locais.

Laje do Pernambuco

Laje do Pernambuco

Por lá a água estava com uma aparência muito melhor. E foi só descer novamente o Jig Peva24 que seu trabalho fez juz ao nome. Peva na linha!

Robalo-Peva fisgado no Jumping Jig Peva da Jigging Master

Robalo-Peva fisgado no Jumping Jig Peva da Jigging Master

Mas de vez em quando uma bizarrices dessas acontece também…

Pequeno roncador fisgado no sistema UFO CATCHER

Pequeno roncador fisgado no sistema UFO CATCHER

Mas depois dessa, foi hora do Peva24 se redimir e fisgar uma bela Pescada-Amarela.

Pescada-Amarela fisgada no Jumping Jig Peva24 da Jigging Master

Pescada-Amarela fisgada no Jumping Jig Peva24 da Jigging Master

Aproveitando a bonita cor de água esverdeada e a corrente da maré, decidi mudar o equipamento e partir para o camarão artificial.

Camarão Monster montado no sistema Banzai Rig

Camarão Monster montado no sistema Banzai Rig

Putz, foi inacreditável! No primeiro arremesso em direção as pedras a vara já começa a beber água seguindo de uma corrida muito bruta. Para a minha surpresa e alegria, mais um belo presente de aniversário veio a tona. Desta vez com embalagem amarela, ou melhor, uma Pescada-Amarela que passava dos 3kg.

Detalhe do Camarão Monster na bocona da Pescada

Detalhe do Camarão Monster na bocona da Pescada

Troféu amarelo, presente de aniversário!

Troféu amarelo, presente de aniversário!

Nunca tinha pegado uma pescada deste tamanho na minha vida. Mais uma para quebrar o record pessoal.

Pescada-Amarela

Pescada-Amarela

Ainda insistindo no Jumping Jig, o Nê fisga uma bonita Pescada-Cambucu. Fazia tempo que não encontrava elas por lá.

Pescada-Cambucu fisgada no Jumping Jig PAC

Pescada-Cambucu fisgada no Jumping Jig PAC

E em seguida mais uma linda Pescada-Amarela.

Pescada-Amarela fisgada pelo Nê

Pescada-Amarela fisgada pelo Nê

 

Já se aproximavam das 13 horas, e junto da famosa parada do peixe, paramos para almoçar.

Bentô caprichado para o almoço

Bentô caprichado para o almoço

Retornando a Ilha do Arvoredo pós almoço, ainda encontramos mais uns peixinhos por lá.

Pescadinha, no tamanho perfeito pra fritar hehehe

Pescadinha, no tamanho perfeito pra fritar hehehe

Michole guloso que não resistiu ao trabalho do Camarão

Michole guloso que não resistiu ao trabalho do Camarão

Um belo exemplar de Pescada-Cascuda

Um belo exemplar de Pescada-Cascuda

E ainda mais uma meia dúzia de pescadinhas que acabaram não sendo registradas.

Já se aproximavam das 14 horas, e um vento chato começou a soprar lá perto do Arvoredo. O jeito foi retornar ao canal, mas claro, fazendo um pit-stop em um ponto famoso que é o parcel da barra de Bertioga.

Por lá descemos o jig, mas o único que teve ação foi o Nê que estava utilizando o Jumping Jig PAC na cor marrom. E depois de uma briga seguida de muitas corridas, um belo exemplar de Pampo Sernambiguara. Vale lembrar que essa espécie cresce muito, podendo ultrapassar os 30kg. Este capturado não passava os 1,5kg, portanto voltou para água para um dia se tornar um bitelo.

Sernambiguara capturada no Jumping Jig

Sernambiguara capturada no Jumping Jig

Ainda tentamos algumas rodadas na Balsa de Bertioga, no Rio Fazenda e até alguns pinchos no Rio São João. Mas apenas os tricks apareceram.

Já se aproximando das 16hrs, resolvemos voltar a Náutica Chinen para nos preparamos para a subida a serra.

Final do dia de pescaria na Náutica Chinen

Final do dia de pescaria na Náutica Chinen

E foi isso aí pescadores!

Uma pescaria que ficará guardada para sempre na minha memória. Uma satisfação muito grande de poder completar mais um aniversário e ainda com direito a 2 troféus e 2 records pessoais quebrados. Um agradecimento aos amigos Nê e Thiago que me acompanharam nesta comemoração muito bem festejada, e ao parceiro/sócio Renato Banzai que não pôde me acompanhar na pescaria, mas que sempre está junto nas aventuras e no trabalho com o blog.

Abraços e boas pescarias de inverno a todos!

André Nagae.

  • Decio Serra Neto

    Linda pescaria André , parabéns cara…. acompanhei as capturas na time line… e venho parabenizar mais uma vez… lindas imagens e lindos troféus…

    Grande abraço e ótimas pescarias!

    • fishingstories

      Muito obrigado Decio! Sempre nos acompanhando 🙂
      Continue com o bom trabalho no youtube! Gostei de ver os vídeos! Abração!

      • Decio Serra Neto

        Muito obrigado André , é muito gratificante fazer o vídeo e ver que o pessoal curtiu , vou continuar firme nessa empreitada… grande abraço

  • mauro yoshizaki

    que pescaria hein Nagae!!! parabéns!!!!!!!!!!!!!!!!

    • fishingstories

      Valeu Mauro!! Desta vez os bocudos colaboraram para o show de pesca!

  • Carlos Alexandre Tanikawa

    André, Maravilhosa pescaria!!!! Parabéns, feliz aniversário.Isto é que é comemorar!!!!!

    • fishingstories

      Muito obrigado Carlos!! Essa foi em grande estilo!
      E você, tem saído para pescar? Abraços

      • Carlos Alexandre Tanikawa

        Fala André!
        Fazem 2 semanas, fui com meus pais pra Bertioga, camarão encomendado, tudo certo….chega lá…..o vendedor simplesmente furou…… vendeu pra outro e …. deixa pra lá.
        Naveguei pra todo lado e nada de iscas….. Resumindo, 2 horas indo pra lá , pra cá, subindo o rio atrás de vendedores de pitu e nada kkkkkkk Voltei cedinho e com meus pais muito tristes com a situação.
        Mas o que interessa é que VC. realmente curtiu o aniversário e foi merecido, belos peixes, muito 10 !!!!

        • fishingstories

          Boa tarde Carlos!
          Poxa, mas que situação mais chata!! 🙁 Isso aí foi pura sacanagem… não se faz com nenhum pescador. Se estava reservado era para ter continuado assim! Quando eu tiver mais contatos de pessoal que vende camarão eu te passo para deixar anotado em caso de emergência. De vez em quando o pessoal do Chinen tem por lá também, é uma boa.
          Espero que na próxima vez tirem o atraso desta pescaria e que venham os troféus para você e seus pais! Muito obrigado mesmo pelas mensagens e bora pescar Carlos!
          Abração,
          Nagae.

  • José Souto

    Parabéns André, sempre belos relatos de pescaria e sempre pescando belos exemplares, parabéns pelo seu aniversário e que belo pevão de presente heinnn.

    • fishingstories

      Grande José! Muito obrigado pela mensagem e pelos parabéns! Realmente não poderia ter presente melhor do que um robalão na linha! Sua pescaria está chegando hein? Que venha mais uma da queimada!
      Abraços

  • Rafael

    boa Noite !

    essa pescaria na Ilha do Arvoredo. o barco balança igual nos 17 metros ? rs

    Bela pescaria

    um abraço .

  • Pingback: Pescaria de aniversário com os Robalos | Fishing Stories()