Pages Menu

Postado por em 29 jan 2015 em Água salgada, Destaque, Fishing Stories, Pescarias | 3 comentários

Dia de água muito suja em Bertioga – Salvo pelos jumping jigs

Dia de água muito suja em Bertioga – Salvo pelos jumping jigs

Salve, amigos pescadores!

Sabadão, 24/01/2015, eu e o amigo Mauricio seguimos pra Bertioga afim de funcionar o motor do amarelão e também tentar uns peixinhos…

O dia amanheceu limpo e claro em Bertioga.

O dia amanheceu limpo e claro em Bertioga.

Na sexta-feira havia chovido muito, mas muito mesmo no litoral!! A chuva chegou até a causar estragos em Santos e Cubatão…
Já descemos sabendo desta condição e contando com uma provável água suja, como a maré iria ser de vazante na manhã iriamos esperar pela enchente pra tentar o pincho, quando a água do mar teoricamente mais limpa adentra os manguês…

Assim sendo, partimos em direção a costeira logo cedo, pra tentar uns galos no camarão com jig head! Porém, ao sair da barra e as condições do mar embora permitissem a navegação, não eram nem de longe as ideais para a pesca costeira…

o mar meio mexido e sujo na barra.

o mar meio mexido e sujo na barra.

o mar estava mexido e com algumas vagas maiores, além disso devido a frente fria dos últimos dias que havia deixado o mar grande, ele estava com a água bem turva próximo às pedras…

água suja na costeira dos guarás.

Água suja na costeira dos guarás.

Insistimos um tempo na lajinha da barra, guaras e camburi porém sem nenhuma ação…

mauricio insistindo na busca do galinheiro.

mauricio insistindo na busca do galinheiro.

Tentamos com jig e jig head no meio das pedras, mas o máximo que conseguimos foi enroscar.

a bela ilha dos guarás

a bela ilha dos guarás

A saída foi voltar e tentar o canal, começamos tentando as famosas pedras do tapioca…

Insistindo no jig head no tapioca.

Insistindo no jig head no tapioca.

Depois tentamos o pincho nos rios iriri e mocó. Mas absolutamente nada de ação…

tentando pinchar no iriri

tentando pinchar no iriri

Tentamos pinchar nas famosas pilastras da marina desativada e nada de ação…

arriscando uns pinchos nas pilastras da marina.

arriscando uns pinchos nas pilastras da marina.

Pinchamos ainda no rio da tia wanda e NADA!

tentando subir o rio da tia Wanda

Tentando subir o rio da Tia Wanda

Assim às 14 horas ja estávamos adentrando o rio da boia verde…

a tradicional boia verde de Bertioga.

a tradicional boia verde de Bertioga.

Nessa hora, já havia me conformado em sair dedão… Seria o primeiro dedão de 2015! Faz parte, afinal insistimos em pescar mesmo com as condições adversas…

E na boia verde insistindo no jumping jig e jig head logo consegui fisgar algo e o Mauricio também!! Na mesma hora!!
tirada de dedo com um doublê.

a tirada de dedo foi de um doublê.

a tirada de dedo foi de um doublê.

E daí começou uma pegadeira! Que se não convencia pelo tamanho, pelo menos divertia pela quantidade de ações…

Algumas ovevas

Algumas ovevas

doublês eram frequentes, mas somente tricks.

doublês eram frequentes, mas somente tricks.

pevinha

pevinha

Foi quando fisguei algo mais forte e gritei: “prepara a camera!!” não deu outra, baaagre pra foto… kkkkkkk

baaagre.

baaagre.

Pouco depois entre tricks e ovevas pego um saltador!! pequeno mais muito comemorado, primeiro flexa de 2015!!

primeiro flexinha de 2015.

primeiro flexinha de 2015.

e depois dentre muitos tricks de pevas mais uma fisgada “diferente” mauricio pegou um sirí no jig head!! kkk

siri no jig head.

siri no jig head.

E assim segui a pesca…

pevinha.

pevinha.

oveva gg

oveva gg

Aproveitávamos ao máximo a pegadeira dos pequenos, já que todo o resto havia falhado…
E assim no meio da pegadeira, peguei o segundo flecha de 2015! No jig Gumi 17g da NS, esse jig aliás, se mostrou muito eficiente nesse dia, pegando muito mais que os outros.

micro-flechinha.

micro-flechinha.

Espero que o terceiro flecha seja melhor… hahaha
seguindo a pescaria, fomos pegando ovevas e tricks…

maais oveva

maais oveva

Até que já cansados dos pequenos e no reponto da enchente resolvemos procurar peixes maiores…
Tentamos o famoso rio dos porvas, local onde ja encontramos flexas em situação semelhante…

tentando uns pinchos no rio dos porvas.

tentando uns pinchos no rio dos porvas.

Mas desta vez o rio estava sem nada!

baaagre no rio dos porvas.

baaagre no rio dos porvas.

Tentamos ainda novamente no wanda…

rumo ao rio da tia wanda novamente.

rumo ao rio da tia wanda novamente.

Foi por lá que a única ação do dia no pincho se manifestou… um trick para o Mauricio!

O ùnico peixe do pincho do dia na flash minnow.

O ùnico peixe do pincho do dia na flash minnow.

E assim ainda insistimos no mocó e Itapanhau, mas NADA! zero ação… e perto das 18 um céu bem fechado nos mostrava que era hora de zarpar de volta ao porto!

tempo fechado indicava hora de retornar.

tempo fechado indicava hora de retornar.

E assim foi mais um dia. Dia do peixe! mas a gente não desiste!
Abração.
Pleffer.

  • Decio Serra Neto

    Dia dificil , os tricks salvaram a brincadeira junto com os primeiros flechas de 2015… parabéns aos 2 pela empreitada…

    E que venha um flechao de 2 digitos nesse verão grande abraço FS

  • Lincoln Donizete Gabriela Merc

    Opa que pescaria divertida…. muitos bagres…. kkkkkkk
    Mas estamos no começo do ano muitas pescarias pela frente…

  • Wander Netto

    Como faço pra ter contato em janeiro, logo no inicio para pescaria em bertioga?
    meu wtzap 6282194270 se alguem puder entrar em contato comigo, desde ja agradeço.