Pages Menu

Postado por em 14 maio 2014 em Água salgada, Destaque, Fishing Stories, Pescarias | 5 comentários

Pegadeira Monstra de Bicudas no Parcel dos Reis

Pegadeira Monstra de Bicudas no Parcel dos Reis

Salve amigos pescadores.

Mais um final de semana e mais uma vez fomos até Itanhaem atrás de uns peixes. Por conta do feriado prolongado em SP conseguimos chegar cedo! E assim às 16:00 já estávamos zarpando a princípio rumo a Queimada Grande.

Saindo do canal de Itanhaem ainda de dia.

Saindo do canal de Itanhaem ainda de dia.

No caminho o pessoal ia animado!

Afonso e seu primo Henrique.

Afonso e seu primo Henrique.

Galera brindando os peixes.

Galera brindando os peixes.

No caminho o barqueiro sugeriu que parássemos no Parcel dos Reis, pois havia relatos de boas capturas lá! Caso estivesse ruim seguiríamos pra Queimadona em seguida.

No caminho todo fui tentando corricar!

Navegando e o Sol se pondo.

Navegando e o Sol se pondo.

Mar tranquilo em itanhahem

Mar tranquilo em itanhahem

Tentamos corricar sem sucesso.

Tentamos corricar sem sucesso.

Porém, apesar de tentar pelas 2 horas e meia do trajeto, nenhum peixe bateu no corrico!
Chegando ao ponto, a tirada de dedo foi muito rápida pro companheiro Afonso!

Bicuda capturada em 30 segundos pelo Afonso

Bicuda capturada em 30 segundos pelo Afonso

E eu tirei o dedo logo em seguida.

Minha primeira de centenas de Bicudas.

Minha primeira de centenas de Bicudas.

Pouco depois todos começaram a pegar Bicudas e mais Bicudas.

A coisa estava frenética.

A coisa estava frenética.

E aos poucos todos foram tirando o dedo.

Ivonildo tirando o dedo.

Ivonildo tirando o dedo.

Vinham triblês e quadrublês a toda hora!

Triblês eram constantes.

Triblês eram constantes.

Aos poucos muitas Bicudas apareceram.

Aos poucos muitas Bicudas apareceram.

E no meio dessa pegadeira toda, muitos chicotes eram cortados! Mesmo com aço longo, o fluor pega cheiro de sardinha ai já era, os peixes atacam o fluor!

Depois de muitas linhas cortadas o amigo tirou o dedo.

Depois de muitas linhas cortadas o amigo tirou o dedo.

Assim foi! 16 kgs de sardinha em 6 pescadores duraram 4 horas(só para calcular a dimensão), e no meio de tantas Bicudas peguei uma Anchova pra variar! heheh

Uma Anchova pra variar.

Uma Anchova pra variar.

Mas eram 10 Bicudas pra cada peixe diferente… heheh

O forte mesmo eram as Bicudas.

O forte mesmo eram as Bicudas.

Mesmo Espragas só sairam uns 4 ao todo!

Saíram uns 4 Espadões só.

Saíram uns 4 Espadões só.

Depois de um tempo a sardinha se acabou de vez, e o jeito foi tentar com camarão! Já que a pouca lula que tínhamos, guardaríamos para tentar algo grande no amanhecer!

Infelizmente a pesca de camarão estava fraca! As Bicudas cortavam o chicote de camarão a toda hora! Peguei 3 Bicudas no sabiki só para vcs terem uma ideia!

Depois de muita insistência levantei um Sarguinho!

Com o fim da sardinha, no camarão veio o Sarguinho.

Com o fim da sardinha, no camarão veio o Sarguinho.

Chegamos a usar filé da própria Bicuda pra pegar outras Bicudas, o método deu até que mais ou menos certo enquanto os peixes estavam mais ativos!! Depois as ações no filé pararam!

E como sem sardinha o ponto já não estava tão legal, sendo tarde pra ir para a Queimada Grande, fomos para o parcel Dom Pedro!! Por lá chegando largamos a lula inteira na meia água e íamos brincando com camarão de fundo!

Ivonildo foi o primeiro a pegar um Linguadinho!

Linguadinho no amanhecer.

Linguadinho no amanhecer.

Amanhecer no mar é uma benção de Deus.

Amanhecer no mar é uma benção de Deus.

Na lula inteira boiada ou com chumbo só vinha advinhem o quê? Isso, bicuda! kkkkk

Mas no camarão houve 4 estourões de gente grande!

O primeiro no material do Ivonildo que começou a correr e tomar linha que não parava mais! Em seguida no do Henrique e por último no meu e do Henrique ao mesmo tempo! Mas a briga era desproporcional ao equipto leve de camarão e não conseguimos tirar não 🙁

Iscas grandes no fundo estava complicado, porque as Cocorocas-boca-de-fogo estavam largadas aos milhões!

Estas estavam presentes aos milhões no fundo.

Estas estavam presentes aos milhões no fundo.

No meio disso tudo o Rafa insistindo na lula consegue o troféu do dia! Uma Pitangola!

Pitangola com o barqueiro Rafael(gringo)

Pitangola com o barqueiro Rafael(gringo)

Seguíamos insistindo, mas nada dos grandões do fundo voltarem… entre milhões de cocorocas peguei um Linguadinho também!

Também peguei meu Linguadinho.

Também peguei meu Linguadinho.

A brincadeira seguia legal, mas como estávamos a 2 horas e meia da barra e a maré iria secar perto das 13, tivemos de retornar as 9…

Não sem antes fisgar uma Garoupeta! Para encerrar com chave de ouro!

Pra encerrar uma Garoupeta!

Pra encerrar uma Garoupeta!

A noite foi muito boa!! Com um saldo de 186 bicudas capturadas, seguimos rumo de volta para casa!

Abração.
Pleffer.

  • Fabiano Rodrigues

    velhoooo q pescaria SHOWWWWWW me fala ai quanto ficou a brincadeira e passa o ctt do seu barqueiro rssssss já ta até convidado p participar do meu grupo de pescadores rsssssss

    • Olá Fabiano! Obrigado por comentar, o contato dele é Rafael, capitão gringo, telefone: (13) 997036218. E valeu pelo convite, quando tiver algo marcado nos avise 😀

      • Fabiano Rodrigues

        certamente kkkkkk sou fanatico por pesca e contato com a natureza rssssss kkkk ja acertei umas pescarias de barranco de tainha e é show de bola rsssssss um peixe explosivo e prazeroso de pescar rsssss mas esse papo deixa p outro dia rsssss

  • Fabiano Rodrigues

    e outra coisa sua pagina é ótima rssss sou de sp e todos os lugares q vc vai sao acessiveis p quem é daqui rssss mto obrigado…… e mais uma coisa tem informaçoes sobre pescaria de tainhas com varas na regiao do guaratuba ou outros lugares do nosso litoral???

    • Mais uma vez obrigado! Sim, nosso objetivo é justamente esse, fazer a pesca ser acessível a todos! Essa modalidade ainda é um mistério para nós, sempre vejo os pescadores por alí na proximidade da ponte do Guaratuba, buscarei mais informações.