Pages Menu

Postado por em 12 set 2017 em Água salgada, Destaque | 0 comentários

V Torneio de Pesca em Cananéia

V Torneio de Pesca em Cananéia

Bom dia pescadores!

Neste final de semana (09/set) a turma do Fishing Stories foi até Cananéia participar do V Torneio de Pesca Esportiva, organizado pelo grande amigo Bento Júnior, dono da operação de pesca Black Mamba.

Já tinha ouvido falar muito bem do evento através dos amigos Pleffer e Banzai já haviam participado das últimas duas edições. Desta vez reservei a data e resolvi conhecer o famoso torneio de Porto Cubatão. Estávamos em 2 equipes: Eu, Pleffer e Banzai na categoria de Robalos com iscas artificiais e na outra estavam Zé Souto, Antônio e André, para participar da categoria outras espécies. Uma modalidade muito interessante neste torneio que reúne a pesca entre famílias e resgata a tradição da pesca de multi-espécies.

A imponente lancha da operação Black Mamba, marcando presença na largada

Por volta das 7:30 chegamos a Porto Cubatão e logo que descemos o nosso barco na água, partimos para o ponto de encontro para retirada dos kits e aguardar a largada do evento.

Aos poucos as embarcações chegavam ao ponto de encontro

Muitos barcos de alta perfomance marcavam presença no evento

Os grandes pescadores Renan Nakamura e o guia Galego de Iguape

Se aproximando das 8:00 os barcos se posicionaram para dar a largada

Os amigos Zé, Antônio e André também se preparando para a largada

Time Fishing Stories animado para mais um dia de pesca!

Minha escalação para o dia: Varas Waka Custom Rods, jumping jig PAC e camarão Ebi da NS

Começamos o dia insistindo nos poções na pescaria de fundo, já que a maré estava muito baixa e não tinha condições de adentrarmos os estreitos rios de Cananéia.

Banzai abrindo a contagem com uma Pescada no camarão artificial

Paru capturado no Jumping Jig PAC de 14 gramas

Primeiro Pevinha do dia para pontuar!

Continuamos na pescaria no fundo com muitas ações dos peixes pequenos, que apesar de não nos ajudar muito na pontuação, contribuíam para a divertida pescaria.

Pleffer com seu primeiro Pevinha que também auxiliou na pontuação

Grandes Micholes atacavam o Jumping Jig

Dá-lhe Preula!

Micropevas atacavam nas iscas de fundo

Doublê de Xereletes no Jumping

Pleffer retomando a pontuação com mais um peva

Banzai ajudando o time com mais um peva pra cota

Banzai capturando espécie errada no jighead.. Corvina não vale Banzai!

Pleffer decrescendo nossa pontuação com esse Baiacu Tigre

Já se aproximavam do meio-dia e a fome já estava batendo. Saímos de SP as 3 horas da manhã e a nossa bateria já estava bastante descarregada… E foi graças ao caprichoso bentô fornecido pelo amigo Yuji Utamaru, que recuperamos a energia.

Bentô fornecido por Yuji da Marina Utamaru

Com as baterias recarregadas, voltamos a nos empenhar nos robalos. E eles apareceram!

Banzai retomando a pontuação

Mais um pevinha pra conta

Banzai liderando a contagem de multi espécies, desta vez com um Linguado

Belas estruturas para pincho em Cananéia

 

Em boa companhia o tempo sempre passa rápido, e foi nesse ritmo entre pevinhas, preulas e muitos encalhes nos baixios de Cananéia que encerramos nossa participação no torneio. Já se aproximavam das 15:00 e precisávamos voltar para o ponto de encontro para a pesagem que encerraria as 16:00. Assim encerramos nossa pescaria e tocamos o barco por cerca de 1 hora até voltar ao porto.

Ponto de pesagem com muitos barcos na fila para pesagem

A população de Porto Cubatão acompanhava o retorno dos competidores

Pegando a senha para pesagem…

Equipe do Projeto Robalo da UNESP estava encarregada da pesagem dos peixes

Equipe do Projeto Robalo da UNESP estava encarregada da pesagem dos peixes

Equipe do Projeto Robalo da UNESP estava encarregada da pesagem dos peixes

Assim encerramos a participação do Fishing Stories em mais um grande evento promovido em Cananéia. Em nome do time, parabenizo o amigo Bento Júnior pela organização e por promover felicidade ao povo de Porto Cubatão e a nação de pescadores! Não foi desta vez que garantimos um lugar no pódium, mas quem sabe na próxima? Devo ser sincero e falar que fiquei com vontade de participar no próximo ano da modalidade Outras Espécies, muito legal ver a galera pontuar com grandes Bagres, Corvinas e Baiacús!

Abraços e boas pescarias!

André Nagae